Amanhã na secção de Livros da revista ‘E’

O que não pode ser salvo, de Pedro Vieira (Quetzal), por José Mário Silva
Sombras sobre o Cairo, de Parker Bilal (Porto Editora), por José Guardado Moreira
Carta a um Refém, de Antoine de Saint-Exupéry (Relógio d’Água), por José Mário Silva
Misteriosamente Feliz, de Joan Margarit (Língua Morta), por Pedro Mexia
A Conquista da Felicidade, de Bertrand Russell (Relógio d’Água), por Luís M. Faria
O Poeta de Pondichéry, de Adília Lopes (Assírio & Alvim), por José Mário Silva
O Enigma da Chegada, de V. S. Naipaul (Quetzal), por Alexandra Carita
Pogo – Um Ajuste de Contas com o Futuro, de vários autores (Edição de autor), por Cláudia Galhós

Amanhã na secção de Livros da revista ‘E’

– Conversa com Pedro Vieira sobre o livro O que não pode ser salvo (Quetzal), por José Mário Silva
Cifra, de Mai Jia (Quetzal), por José Mário Silva
š! #20, de vários autores (Kuš!), por Sara Figueiredo Costa
Amores de Família, de Carla Maia de Almeida e Marta Monteiro (Caminho), por José Mário Silva
Mirleos, de João Miguel Fernandes Jorge (Relógio d’Água), por Pedro Mexia
Escolhas Difíceis, de Hillary Clinton (Dom Quixote), por Luís M. Faria

Amanhã na secção de Livros da revista ‘E’

– Entrevista com Umberto Eco, por Luciana Leiderfarb
Gente Melancolicamente Louca, de Teresa Veiga (Tinta da China), por Ana Cristina Leonardo
A Navalha de Palaçoulo, de A. M. Pires Cabral (Cotovia), por Pedro Mexia
Polifonte, de Alberto Cinza (A tua mãe), por José Mário Silva
Éter, de António Cabrita (Abysmo), por José Mário Silva
Ascensão e Queda dos Impérios Globais – 1400-2000, de John Darwin (Edições 70), por Luís M. Faria

Amanhã na secção de Livros da revista ‘E’

Fim, de Fernanda Torres (Companhia das Letras), por José Mário Silva
Os Noivos, de Alessandro Manzoni (Paulinas), por Luís M. Faria
Persianas, de Miguel-Manso (Tinta da China), por José Mário Silva
Mrs. Dalloway, de Virginia Woolf (Livros do Brasil), por Pedro Mexia
Copacabana, de Lobo e Odyr (Polvo), por José Mário Silva

Amanhã na secção de Livros da revista ‘E’

– Entrevista com Margaret MacMillan, autora de A Guerra que Acabou com a Paz (Temas e Debates), por Rui Cardoso
Para que não te percas no bairro, de Patrick Modiano (Porto Editora), por José Mário Silva
O Duelo, de Joseph Conrad (Sistema Solar), por José Guardado Moreira
Impunidade das Trevas, de Manuel da Silva Ramos (Parsifal), por José Mário Silva
Filhos de Saturno, de António José Saraiva (Gradiva), por Luís M. Faria
A Avó Adormecida, de Roberto Parmigiani e João Vaz de Carvalho (Kalandraka), por Sara Figueiredo Costa
À Barbárie Seguem-se os Estendais, de Miguel Cardoso (&Etc), por Pedro Mexia
Palavras Cansadas da Gramática, de Yao Feng (Gradiva), por José Mário Silva

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges