Sobre este blogue

Bibliotecário de Babel é um blogue sobre livros. O que está dentro dos livros, à volta dos livros, antes e depois dos livros. Com um ritmo diário, falará sobre o que se convencionou chamar «o mundo dos livros», sobre as pessoas que os escrevem, mas também sobre aquelas que os fazem, os pensam, os vendem. Este será um espaço para reflexões sobre literatura e apontamentos de reportagem, visitas a livrarias, passagens por bibliotecas, recensões, entrevistas, notícias, anúncios de prémios, cobertura de lançamentos e debates, links para artigos de interesse, etc.
Resumindo numa frase: nada do que se passa entre uma capa e a respectiva contracapa (incluindo as badanas, a ficha técnica, o ISBN) escapará ao interesse e escrutínio deste blogue. As únicas limitações coincidem com as limitações do seu autor, um ser humano falível e incapaz de esticar, por muito que tente, as parcas 24 horas de cada dia.
Em 2008, o Bibliotecário de Babel foi escolhido como um dos 11 finalistas na categoria ‘Melhor weblog em Português’ dos prémios BOBs (Best of the Blogs), promovidos pela Deutsche Welle, ao lado de oito blogues brasileiros, um moçambicano e um angolano.
Em 2009, venceu o Prémio Especial Blogue sobre Livros dos Prémios de Edição LER/Booktailors.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges