Será que já alguém se lembrou de escrever um romance, do princípio ao fim, no Facebook?

Sim. O seu nome é Leif Peterson, um escritor que apenas reinventou, na mais utilizada das redes sociais, certo conceito bastante antigo: o de folhetim.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges