‘Inventar a Liberdade’ amanhã à noite

poesia 23 abril

No Dia Mundial do Livro, e a dois dias do 25 de Abril, Luís Filipe Cristóvão vai “Inventar a Liberdade” através de poemas de diversos autores da poesia portuguesa dos séculos XX e XXI. A partir das 21h00, na Capela do Morgado, «bem no centro da Arruda dos Vinhos».
Quem disse que a cultura está limitada a Lisboa e Porto?



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges