Logo à tarde

maratona_zonafranca
Clique para aumentar

Maratona poética com alguns excelentes e desalinhados poetas, a partir das 17h00, na Zona Franca (R. de Moçambique, 42, Lisboa).



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges