Amanhã na secção de Livros da revista ‘E’

– Entrevista com Clara Ferreira Alves, autora de Pai Nosso (Clube do Autor), por Cristina Margato e Ricardo Costa
Se isto é uma mulher, de Sarah Helm (Presença), por Luís M. Faria
O que vemos quando lemos, de Peter Mendelsund (Elsinore), por Celso Martins
Diário Íntimo de Carlos da Maia (1839-1930), de A. Campos Matos (Colibri), por Américo Guerreiro de Sousa
Vamos ao que interessa, de João Pereira Coutinho (Dom Quixote), por Pedro Mexia
Bronco Angel, o Cow-Boy Analfabeto, de Fernando Assis Pacheco (Tinta da China), por José Mário Silva
Quando os Factos Mudam, de Tony Judt (Edições 70), por Luís M. Faria
Kinderszenen, de Alexandre Sarrazola (Companhia das Ilhas), por José Mário Silva



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges