Amanhã, na secção de Livros do ‘Actual’

Biografia de um inspector da PIDE – Fernando Gouveia e o Partido Comunista Português, de Irene Flunser Pimentel (A Esfera dos Livros), por José Pedro Castanheira
As Eleições de 1958 – Humberto Delgado na campanha do Norte, de Teresa Henriques e Miguel Nunes Ramalho (Prefácio), por Nair Alexandra
Quando Escreve Descalça-se, de Miguel-Manso (Trama), por Manuel de Freitas
Livros de mais – Ler e publicar na era da abundância, de Gabriel Zaid (Temas e Debates), por José Mário Silva
A Solidão dos Números Primos, de Paolo Giordano (Bertrand), por José Guardado Moreira
O Cozinheiro Alemão, de Mafalda Ivo Cruz (Relógio d’Água), por António Guerreiro
Sombra, de Neil Jordan (Cavalo de Ferro), por Rogério Casanova



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges