Amanhã, na secção de Livros do ‘Actual’

Um caçador de leões, de Olivier Rolin (Sextante), por José Mário Silva
Invisível, de Paul Auster (ASA), por Vítor Quelhas
Um Bando de Corvos, de Ruth Rendell (Relógio d’Água), por Paulo Nogueira
O Pai, a Mãe e o Silêncio dos Irmãos, de José Agostinho Baptista (Assírio & Alvim), por Helena Barbas
Ruído Branco, de Don DeLillo (Sextante), por Ana Cristina Leonardo
Pergunta ao Pó, de John Fante (Ahab), por José Guardado Moreira
Uma Data em Cada Mão – Livro de Horas I, de Maria Gabriela Llansol (Assírio & Alvim), por António Guerreiro



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges