‘Clube da Palavra’

Eis um programa televisivo que traz a poesia para o pequeno ecrã em horário aceitável, antes da meia-noite (é às sextas-feiras, no canal Q, infelizmente apenas para quem tem Meo). Uma causa mais do que nobre, nobilíssima.
A primeira emissão foi assim:

Por ordem de entrada em cena: os COPO (Paulo Condessa e Nuno Moura), o JP Simões e o João Pacheco, que lê alguns desversos do pai, o grande Fernando Assis Pacheco. Desenhos digitais de António Jorge Gonçalves.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges