Diário do Booker (4)

livros_booker.jpg

Já chegou a segunda remessa da Amazon. Agora só fica a faltar o Sea of Poppies, de Amitav Ghosh. O dono da mercearia do rés-do-chão, onde o carteiro costuma deixar as encomendas que não cabem na caixa do correio, olhou para mim ainda mais admirado do que é costume: “Ena, isso é que é peso. Qualquer dia têm que instalar um monta-cargas no prédio só para você” (frase dita com um ligeiro sotaque brasileiro, que o Sr. João viveu nos arredores do Rio mais de 30 anos).

***

Ontem a leitura não avançou muito, porque tive que dar prioridade ao último número da revista Relâmpago, sobre a qual vou escrever para o Expresso. Ainda assim, cheguei à página 450 e estou a meio de um dos clímaxes dramáticos do livro.



Comentários

2 Responses to “Diário do Booker (4)”

  1. Paulo on Setembro 30th, 2008 13:53

    450 páginas… só ontem? Ou a leitura já começou antes?
    Sou um caracol!

  2. José Mário Silva on Setembro 30th, 2008 14:57

    Infelizmente, a leitura já começou há uns dias, o que quer dizer que o meu plano de leitura está muito atrasado. Terei que recuperar o andamento ainda nem sei bem como.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges