Força gravítica

Entrar em 2666 é fácil. Difícil é sair.



Comentários

4 Responses to “Força gravítica”

  1. Ricardo on Setembro 15th, 2009 8:23

    Posso pedi-lhe uma opinião ? aqui vai: li, e adorei, o “Estrela Distante”, daqui a 15 dias tenho férias e queria me dedicar novamente a Bolaño, espero por ” 2666″ ou vou para ” Os Detectives selvagens”, entre os dois qual me aconselha ? primeiro a obra-prima ou a outra obra ?

  2. José Mário Silva on Setembro 15th, 2009 9:39

    Eu começaria pelos ‘Detectives’. E aposto que, depois dos ‘Detectives’, vai logo querer atirar-se ao ‘2666’.
    Meu amigo, não sabe onde está a meter-se.
    😉

  3. Ricardo on Setembro 15th, 2009 11:24

    Obrigado pela resposta. Já tinha pensado em comprar primeiro os”Detectives” mas o hype pelo ” 2666″ é tão forte e avassalador que me me levou a ter dúvidas. As expectativas são altíssimas, vamos a ver se sobrevivo ao génio :)

  4. maria on Setembro 15th, 2009 16:40

    Ando muito na dúvida relativamente a este livro….parece-me publicidade a mais…..no entanto gostava de ouvir uma pessoa que já leu o Stieg Larsson….devo ler 2666? ou começar por outro? Tenho medo que seja um fruor lançado pela internet (uma campanha….marketing) e que depois seja uma desilusão….

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges