Junot Díaz e o Pulitzer

Em 2008, ganhou o Pulitzer de Ficção pelo excelente romance A Breve e Assombrosa Vida de Oscar Wao (Porto Editora). Há uns dias, entrou para o Board do prémio. Ou seja, primeiro foi Díaz a ganhar com o Pulitzer; agora, é o Pulitzer a ganhar com Díaz, sem dúvida um dos autores norte-americanos mais interessantes da actualidade.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges