Junot Díaz (um vislumbre)

A Breve e Assombrosa Vida de Oscar Wao, de Junot Díaz, um dos livros mais esperados do ano (ganhou o Pulitzer de Ficção em 2008), chega na próxima semana às livrarias, com chancela da Porto Editora. O jornal Público pré-publica hoje o primeiro capítulo do romance, disponível também online.



Comentários

One Response to “Junot Díaz (um vislumbre)”

  1. Alvaro Santos Pereira on Abril 21st, 2009 23:37

    Sem dúvida, um dos livros do ano. É mais um livro da tendência mais interessante da literatura anglo-saxónica, em que emigrantes ou filhos de emigrantes escrevem sobre as experiências das suas comunidades tanto no país de acolhimento como nos seus países de acolhimento, nos quais se incluem Jumpa Lahiri, Ha Jin, entre outros.
    A escrita é muito boa, num estilo moderno e fluído, misturando frequentemente o espanhol e o inglês e, assim, representando exemplarmente o inglês falado pelas comunidades hispânicas nos Estados Unidos. Um livro muito bom. Esperemos que a tradução lhe faça justiça.

    Alvaro

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges