Livraria Buchholz no Chiado (agora a sério)

Depois de um arranque em falso, a Buchholz Chiado está finalmente operacional:

Largo Rafael Bordalo Pinheiro, 30
De segunda a sábado, das 10h00 às 24h00

PS – Entre as edições antigas a preço de saldo, vindas dos armazéns da Livraria Sá da Costa, encontrei esta preciosidade:

É a segunda recolha poética de Ruy Duarte de Carvalho (a primeira foi Chão de Oferta, 1972). Foi editada em Portugal pela Sá da Costa, em 1976, para a União dos Escritores Angolanos. A capa é de Sebastião Rodrigues, um dos mais importantes designers portugueses. Preço: dois euros e meio.



Comentários

4 Responses to “Livraria Buchholz no Chiado (agora a sério)”

  1. nuno on Janeiro 14th, 2009 16:01

    Pelo que se percebe das fotos parece que só têm livros da Sá da Costa e da nova Portugália, o que é uma coisa bem irritante…

  2. jm on Janeiro 14th, 2009 17:41

    Obrigado pela dica sobre o livro do Ruy duarte de Carvalho. Já tinha visto e albergado exemplares de outros dois do autor, com chancela da Sá da Costa, mas este ainda não.

  3. hmbf on Janeiro 16th, 2009 1:27

    Talvez pareça mal dizê-lo, mas achei piada à coincidência. Escrevi sobre essa preciosidade aqui: http://antologiadoesquecimento.blogspot.com/2008/02/deciso-da-idade.html .

  4. jm on Janeiro 16th, 2009 15:08

    afinal, o meu problema foi visual. este livro faz parte dos tais dois que refiro, mas com capa diferente.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges