‘Myra’

Em declarações à Lusa, Maria Velho da Costa explica que o seu novo romance parte da relação de amizade que uma adolescente russa imigrada em Portugal estabelece com um cão de raça perigosa.
Sobre o facto de publicar na Assírio & Alvim, esclarece que não tem qualquer divergência com o grupo LeYa (de que faz parte a sua antiga editora: Dom Quixote). A mudança foi uma questão de “oportunidade” e deve-se também à admiração que sente pela pintora Ilda David’, responsável pela ilustração do livro.
Maria Velho da Costa afirma ainda que o livro sairá em Outubro, embora a Assírio o tenha agendado para o final de Setembro.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges