Palavra do ano 2012

Segundo a Porto Editora, o vocábulo mais votado no concurso para a escolha da «palavra do ano» foi entroikado, que se pode considerar, com toda a propriedade, um neologismo austero. Segundo a definição do Departamento de Dicionários da PE, entroikado é um adjectivo com dois significados: 1) obrigado a viver sob as condições impostas pela troika (equipe constituída por responsáveis da Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional e que negociou as condições de resgate financeiro em Portugal); e 2) coloquial, que está numa situação difícil; tramado, lixado. Em segundo lugar ficou a palavra desemprego.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges