Postar ou não postar

É uma dúvida shakespeariana, sim. Se actualizas o blogue, não assistes às sessões. Se assistes às sessões, e às conversas nas escadas do auditório ou no lobby do hotel, não tens tempo para actualizar o blogue. Ao contrário de Hamlet, eu não hesito (nem ando, já agora, de um lado para o outro com uma caveira na mão): entre as mesas de debate e os posts em cima da hora, dou prioridade às mesas de debate. As actualizações serão, portanto, ou tardias ou retroactivas. Perdoem-me os mais impacientes.



Comentários

4 Responses to “Postar ou não postar”

  1. luis afonso on Fevereiro 27th, 2010 1:25

    poças, até parece que tás a prestar um serviço remunerado e corres o risco que a malta se revolte e comece prá’qui a fazer em manif’s em protesto pela tua ausência de trabalho. Este post é a tentativa de damage control ?

    p.s. quero uma resposta a este comentário com brevidade, senão peço o Livro de Reclamações

  2. luis afonso on Fevereiro 27th, 2010 1:28

    ah, e continuação de bom Correntes.. que já deu para perceber que é a tua cena…

  3. José Mário Silva on Fevereiro 27th, 2010 9:36

    luis,

    É a minha cena, sim. E o post reflecte apenas a minha frustração por não conseguir “dar tudo” em tempo real. Lá chegarei aos poucos, durante o fim-de-semana.

  4. csd on Março 1st, 2010 20:10

    Já somos dois

    :-)

    csd

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges