Prémio Literário Casa da América Latina para Héctor Abad Faciolince

O Prémio Literário Casa da América Latina 2010, no valor de 10.000 euros, acaba de ser atribuído por unanimidade ao romance Somos o Esquecimento que Seremos, do escritor colombiano Héctor Abad Faciolince, obra editada em 2009 pela Quetzal.
Ao prémio, que distingue o melhor livro de autor latino-americano publicado em Portugal em 2008 e 2009, concorreram 21 obras de autores argentinos, brasileiros, colombianos, cubanos e mexicanos, com chancela de nove editoras portuguesas.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges