Quase a caminho

As Correntes d’Escritas começaram esta manhã e já há vários bloggers a cobrir intensamente o que vai acontecendo na Póvoa de Varzim: o Paulo Ferreira, a Sara Figueiredo Costa, o Pedro Vieira, o Luís Ricardo Duarte, entre outros. Eu chego amanhã à tarde, espero que ainda a tempo de assistir ao fim da mesa 3, intitulada “Passo e fico como o universo”, com Bernardo Carvalho, Germano Almeida, Isaac Rosa, João Tordo, Tânia Ganho e moderação de Carlos Vaz Marques.



Comentários

Comments are closed.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges