Livraria divina

A dupla holandesa Merkx + Girod venceu o prémio Lensvelt para Arquitectura de Interiores com este projecto:

livraria

É mesmo o que parece: uma livraria dentro de uma igreja. Melhor dizendo, uma livraria dentro de uma antiga igreja dominicana, em Maastricht.
Vista de outro ângulo:

livraria2

Espantoso, não acham?
Mais imagens e informações aqui (atentem no design e localização da cafetaria).



Comentários

13 Responses to “Livraria divina”

  1. Nicholas Edward on Dezembro 30th, 2007 23:26

    delicioso…
    Obrigado

  2. marcelo on Dezembro 31st, 2007 10:52

    e-s-p-e-c-t-a-c-u-l-a-r. Parabéns pelo blogue e muito sucesso em 2008.

  3. João André on Dezembro 31st, 2007 12:39

    Já lá estive, meu caro Zé Mário, já lá estive. Aliás, irei viver muito perto dela. Talvez te possa enviar alguma informação acrescida, se estiveres interessado.

  4. José Mário Silva on Dezembro 31st, 2007 17:37

    Claro que estou, João André.

  5. O Jansenista on Janeiro 1st, 2008 14:34

    Welcome! Deixo-lhe uma saudação de bibliófilo modesto lá no Ashram – recomendando-lhe uma visita a Afinidades Efectivas (um bibliómano erudito e profissional) e a Je Maintiendrai (outro bibliómano erudito com grands moyens). O Almocreve das Petas – verifico que já o detectou.

  6. Bibliotecário de Babel » Blog Archive » Meme visual on Janeiro 2nd, 2008 12:37

    […] recentes pablo muscillo em Hombre de BibliotecaO Jansenista em Livraria divinaAmadeu Baptista em Poema nono do ciclo ‘Negrume’, de Amadeu BaptistaFernando Venâncio […]

  7. AQF on Janeiro 3rd, 2008 0:55

    isto sim, é uma verdadeira biblioteca de babel.

  8. Luciene on Janeiro 3rd, 2008 2:48

    Linda!
    Apesar de não ser religiosa, sempre gostei da tranquilidade das igrejas. E que lugar poderia ser melhor para uma livraria do que uma delas?

    Para ficar perfeito, só mesmo se houver um café celestial por lá.

  9. Ágata on Janeiro 3rd, 2008 8:58

    Não acredito: há semanas atrás sonhei com.

    Uma igreja que era uma livraria…!

    E era muito parecida com esta 0_0

    Weird 0_o

  10. candida on Janeiro 3rd, 2008 22:45

    é o máximo. linddddddaaaaaaaaaaa!
    axim, até vou mais vezes à missa.

  11. maria diniz on Janeiro 7th, 2008 20:08

    “piquei” as imagens por razões pedagógicas. e porque são bonitas. e porque o projecto é interessante, e adequado ao tempo que vivemos. revelador.

    já o bar e a escolha da sua situação: clara vontade de provocação, marotice, paródia – demasiado legível, literal mesmo – muito mal mascarada de respeito na forma do balcão, no candelabro. aquilo que dantes se chamava desonestidade intelectual. acho. pena. a roçar a grosseria.

    curiosamente, quando li, onde estava “livraria” vi sempre “biblioteca”. pareceu-me mais natural.

    não sou crente. de todo. desde a idade pré-adulta. ou seja, desde sempre.

  12. Bibliotecário de Babel » Blog Archive » Um top-10 de livrarias on Janeiro 15th, 2008 16:20

    […] daquela extraordinária livraria de Maastricht que foi instalada numa igreja dominicana? O jornalista Sean Dodson, do The Guardian, colocou-a em primeiro lugar no seu top-10 das melhores […]

  13. maria on Fevereiro 6th, 2008 18:31

    Há nos templos o desejado encontro do sagrado silêncio. É também nos templos… que se cantam as palavras sagradas da Fé. o que seria da humanidade sem livros, sem palavras e sem templos ausentes de Fé?… através do Povo do Livro, ou antes ainda através do mote “Tikkun”- titulo da minha recente exposição-, e em tempo de pesquiza da proxima exposição… deparei nesta página! nesta imagem, onde o silêncio do templo sobrepõe o silêncio de cada livro, cujas palavras se encontram ou não aqui, ausentes de canto.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges