Vem aí a obra-prima de Roberto Bolaño

2666. A 26 de Setembro, na Quetzal. Maravilha.



Comentários

6 Responses to “Vem aí a obra-prima de Roberto Bolaño”

  1. salamandrine on Julho 17th, 2009 19:20

    maravilha o tanas. em pouco mais de dois meses a quetzal entrou na minha lista negra.
    vou começar a usar filtros de internet que me proíbam de entrar em páginas que mencionem a quetzal.

  2. Jonas on Julho 18th, 2009 11:40

    Hum?
    Gostaria que explicasse as suas razões, eu só poderia afirmar que a Quetzal entrou na minha lista negra por estar a comprar-lhes mais livros do que os que consigo ler, e pelo gasto do dinheiro, não consigo perceber outra desagradável razão…!

  3. salamandrine on Julho 18th, 2009 11:44

    ora, a razão é mesmo essa: financeira. a ruína. a minha carteira, ou a falta dela 😉

  4. insider on Julho 18th, 2009 17:03

    Pois, mas o que se diz por aí das vendas da Quetzal não é muito brilhante (falem com quem sabe na DLb)… E se o Bolaño falha, ai Jesus, que lá vai o Chico para a TV outra vez falar dos livros dos outros…

  5. Luís Fonseca on Julho 18th, 2009 20:20

    O trailer é muito interessante! Quem é o realizador?

  6. O primeiro vídeo da edição portuguesa: :: w a z z u p on Setembro 11th, 2009 15:57

    […] pela primeira vez pelo Senhor Palomar e reproduzido depois pelo Bibliotecário de Babel, Cadeirão Voltaire, Ciberescritas e […]

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges