Zurzidela

A propósito deste post, o André Moura e Cunha escreveu-me a dizer o seguinte:

«Já houve no meio literário norte-americano, pelo menos, uma valente zurzidela em James Wood. Foi recente e excelente na revista literária n+1, e logo no seu primeiro número. Falei disso aqui em Agosto.
Wood replicou. Infelizmente, não tenho o artigo que despoletou a troca de argumentos entre os editores da revista e o excelso realista crítico literário da New Yorker, mas envio-te a versão digitalizada da resposta de Wood, publicada na revista dois número depois.»

Se eu soubesse introduzir ficheiros pdf no blogue (em vez de nem sequer saber se isso é possível), partilhava agora a referida resposta de Wood. Aos leitores mais interessados no assunto, porém, prometo reenviar o ficheiro, bastando para tal que mo solicitem por e-mail.



Comentários

3 Responses to “Zurzidela”

  1. Nuno on Dezembro 2nd, 2008 9:57

    Para inserir PDFs basta alojar o PDF algures e colocar um link para ele. Eu costumo usar as homepages do Sapo, mas também pode usar o espaço Netcabo ou outro do género.

  2. shyznogud on Dezembro 2nd, 2008 11:02

    Há um site de muito fácil utilização para colocares pdf (ou outros formatos) on-line:

    http://www.scribd.com/

    basta criares uma conta de utilizador

  3. José Mário Silva on Dezembro 2nd, 2008 11:47

    Obrigado pelas dicas. Vou explorá-las.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges