Porto Editora vai anunciar novidades para o mercado do livro electrónico em Portugal

Na próxima terça-feira, dia 10, a Wook (livraria virtual do grupo Porto Editora) apresentará em Lisboa, no Auditório do Edifício Grupo Bertrand Círculo (Benfica), pelas 11h30, a sua estratégia para a comercialização de eBooks, nomeadamente uma «solução inovadora que vai definir e impulsionar o mercado do eBook em Portugal». Segundo a informação já disponibilizada, esta nova solução facilitará «a entrada de todas as editoras portuguesas, pequenas, médias ou grandes, na realidade do eBook e, ao mesmo tempo, permitirá que os leitores usufruam dos seus livros digitais independentemente dos aparelhos e respectivos sistemas operativos».



Comentários

2 Responses to “Porto Editora vai anunciar novidades para o mercado do livro electrónico em Portugal”

  1. Porto Editora vai anunciar novidades para o mercado do livro electrónico em Portugal | Bibliotecário de Babel | Falling into Infinity | Scoop.it on Julho 5th, 2012 13:09

    […] Na próxima terça-feira, dia 10, a Wook (livraria virtual do grupo Porto Editora) apresentará em Lisboa, no Auditório do Edifício Grupo Bertrand Círculo (Benfica), pelas 11h30, a sua estratégia para a comercialização de eBooks, nomeadamente uma «solução inovadora que vai definir e impulsionar o mercado do eBook em Portugal». Segundo a informação já disponibilizada, esta nova solução facilitará «a entrada de todas as editoras portuguesas, pequenas, médias ou grandes, para a realidade do eBook e, ao mesmo tempo, permitirá que os leitores usufruam dos seus livros digitais independentemente dos aparelhos e respectivos sistemas operativos».  […]

  2. Porto Editora vai “revolucionar” venda de ebooks na Wook | eBook Portugal on Julho 6th, 2012 9:57

    […] Será dado a conhecer uma “solução inovadora que vai definir e impulsionar o mercado do eBook em Portugal”, apurou o Bibliotecário de Babel. […]

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges