Morreu José Gabriel Viegas

Eis uma notícia muito triste. Eu sabia que o José Gabriel estava doente (um cancro complicado, dos que não costumam perdoar), ele há meses que não escrevia uma das suas recensões sobre livros de História ou sobre ensaios políticos para o Actual, mas ainda assim fui apanhado de surpresa (somos sempre). Recordo bem as conversas com o José Gabriel, a sua sabedoria, a vasta cultura pressentida (nunca exibida), a patine de velho jornalista que já viu muito mas ainda é capaz de se espantar com as voltas do mundo.
Adeus, JGV.



Comentários

One Response to “Morreu José Gabriel Viegas”

  1. Venâncio on Março 15th, 2010 5:53

    Sempre calmo, sempre sábio.

    Adeus, Zé Gabriel.

«Tenho a suspeita de que a espécie humana - a única - está prestes a extinguir-se e que a Biblioteca perdurará: iluminada, solitária, infinita, perfeitamente imóvel, armada de volumes preciosos, inútil, incorruptível, secreta» Jorge Luis Borges